Congelamento de Embriões

Com a evolução das técnicas de reprodução assistida desde o FIV convencional, observamos uma progressiva procura de casais e indivíduos sem desejo reprodutivo imediato para o congelamento de material genético seja ele sêmen ou óvulo, tecido ovariano ou embriões após o tratamento de fertilização. Isso também é de grande relevância quando nos deparamos com pacientes jovens em tratamento de câncer. O cuidado do oncologista no pós-câncer tem levado a maior procura pela clínicas de reproduçãoo assistida visto que as taxas de sobrevida oncológicas têm se elevado a cada ano.